23/02/2024 +55 (92) 984094522

Giro no Norte

Programa +RespirAR realiza oficina de capacitação para profissionais de fisioterapia

Atividade contou com palestras de fundamentos teóricos para tratamento e atendimentos dos pacientes do programa

Por Giro do Esporte 02/02/2023 às 15:35:59

FOTO: Mauro Neto /Faar

O Programa +RespirAr realizou, nesta quarta (1), uma oficina de treinamento para seus profissionais, com o objetivo de desenvolver novas técnicas para atender aos pacientes em recuperação. A atividade reuniu profissionais de fisioterapia e educação física, coordenados pela Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), na Vila Olímpica de Manaus.

"Durante a oficina, discutimos atualizações recentes nas avaliações de pacientes, incluindo protocolos eficazes para cada situação, com o objetivo principal de capacitar nossos profissionais e oferecer o melhor atendimento à população", destacou Luany Pontes, fisioterapeuta do +RespirAR.

A oficina de aprimoramento profissional para a equipe de fisioterapia e educação física do programa será realizada por dois dias. Na quarta-feira (01/02), a atividade começou com os fisioterapeutas e no sábado (04/02), será voltada para os educadores físicos.

Durante a oficina, serão apresentadas estratégias para melhor atender aos pacientes, identificação de soluções, definição de processos e serviços.

Para Elizângela Gama, estagiária de fisioterapia, a atividade é vital para o trabalho. "Aprendemos sobre o HDA - Histórico de Doença Atual, evolução e coleta de testes, tudo isso é uma constante fonte de aprendizado para que possamos elaborar o melhor protocolo para cada paciente", afirmou.


Unidades

O RespirAR conta com 10 núcleos de atendimentos espalhados pela capital amazonense, entre eles as Policlínicas Antônio Aleixo, Codajás e João dos Santos Braga e os Centros de Atenção ao Idoso (Caimis) Ada Viana e o André Araújo. Além desses, os Centros Estaduais de Convivência da Família (CECFs) Padre Pedro Vignola, Magdalena Arce Daou, Teonízia Lobo, Centro Estadual de Convivência do Idoso (Ceci) e a Vila Olímpica de Manaus, onde surgiu o projeto, também são pontos de atendimento.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar)

Comunicar erro
Comentários