22/07/2024 +55 (92) 984094522

Giro Nacional

Presidente do Corinthians enfrenta pressão e impeachment

Por Giro do Esporte 08/06/2024 às 11:31:51

Augusto Melo, presidente do Corinthians desde janeiro de 2024, está sob pressão política no Parque São Jorge. Com várias polêmicas em mais de seis meses de gestão, grupos de oposição estão criando um clima político para um possível impeachment de Melo.

Eles se baseiam no Artigo 106 – Inciso B do estatuto do clube, que permite a destituição de administradores que causem prejuízo considerável ao patrimônio ou à imagem do Corinthians. Os opositores culpam Melo pela perda do patrocínio com a casa de apostas.

Melo viu sua base aliada se desfazer rapidamente. O diretor jurídico Yun Ki Lee, o diretor financeiro Rozallah Santoro e o diretor-adjunto de futebol Fernando Alba deixaram seus cargos após o caso do "laranja" da VaideBet.

Se o processo de impeachment for aberto, o presidente do Conselho Deliberativo, Romeu Tuma Jr., deve convocar a votação em até 30 dias. Se Melo for destituído, o Corinthians terá uma eleição indireta para escolher um novo presidente. Se ele renunciar, o vice-presidente Osmar Stábile assume.

Embora ainda esteja no início, o movimento pelo impeachment de Augusto Melo cresce a cada dia no Parque São Jorge.

Comunicar erro
Comentários